Postagens

Mostrando postagens de Novembro, 2016

O corrupto mais amado do Brasil

Imagem
Que ironia! Em tempos onde brasileiros entram no tapa entre si por suposta aversão a casos de corrupção, o maior ídolo da atividade mais admirada pelos brasileiros acaba de incluir seu nome na lista de corruptos. Uma verdadeira bagunça com o senso comum, que acreditava que corrupção foi inventada pelo Partido dos Trabalhadores e só praticada pelos seus membros e por aliados.
Neymar Jr., sim, ele mesmo! O homem mais amado do país! O único que os torcedores masculinos não têm vergonha de declarar o seu amor! O ultra-estimado jogador acaba de ser acusado de corrupção e a justiça espanhola o que ver atrás das grades por pelo menos dois anos, o que prejudicaria a sua ida a copa de 2018, o acontecimento mais esperado pelos brasileiros.
Não sei de detalhes, pois não entendo das regras de negociação e não curto futebol. Eles podem ser lidos aqui. O que sei é que houve uma falcatrua feita pelo jogador e pelo pai (que é seu sócio nos negócios que usam o nome do jogador como marca) que favorece…

Futebol argentino é privatizado

Imagem
A democratização do futebol feita por Christina Kirshner em sua gestão foi por água abaixo com o governo neoliberal de Maurício Macri, ex-cartola que começa a mostrar as suas garras e dizer a que veio. Macri acaba de entregar aos estadunidenses o futebol que deveria ser dos argentinos.
A Fox e a Turner (Warner) acabam de fazer um acordo de exclusividade na transmissão dos jogos do futebol argentino. A TV aberta só irá transmitir três dos muitos jogos do principal campeonato argentino. Os torcedores mais carentes ficarão sem assistir a jogos importantes, tendo que pagar tais redes de televisão para vê-los.
O acordo, que durará 15 longos anos envolveu gigantesca quantia de dinheiro e poderá ser renovado a cada 5 anos. É mais uma de mitas medidas que pretendem submeter a Argentina aos ditames dos Estados Unidos, que insistem em querer mandar em todo o continente americano, evitando a todo o custo que surja uma outra potência no continente.
Nós aqui não curtimos futebol. Mas isso não sig…